Berinjela assada recheada de cuscuz e cogumelos

exótico

5 de janeiro de 2018

Apresentamos-lhe um exótico primeiro prato com macarrão, cuscuz, cogumelos, pimentões de três cores e o cominho, uma entrada saudável, energético e cheio de vitaminas e minerais. Um prato vegetal que é uma fonte de bem-estar. Olhe que lhe dá cada ingrediente.

Atualizado el05 de janeiro de 2018, 10:19

todos os benefícios deste prato

Berinjela

Este vegetal contém uma dezena de ácidos fenólicos antioxidantes muito potentes e antocianinas.

Ambos os compostos impedem a oxidação do colesterol e, com isso, previnem doenças cardiovasculares e doenças degenerativas. Além disso, as substâncias exclusivas de berinjela (que dão o seu característico sabor amargo) estimulam o bom funcionamento do fígado e o esvaziamento da vesícula biliar por isso que favorecem a digestão das gorduras. Também possui alcalóides que, de acordo com vários estudos, têm uma estrutura química semelhante à das estatinas, que são usados para baixar o colesterol.

O ideal é consumir a berinjela sem pelarla, já que a pele e as sementes encontram-se as substâncias activas, e a maneira mais digestiva de comê-los, é assada no forno.

Cuscuz

Este alimento tradicional da gastronomia berbere, elaborado a partir de sêmola de trigo duro, é um alimento de baixo teor de gordura e muito nutritivo. Ele traz uma grande quantidade de energia graças aos seus hidratos de carbono, amido e vitamina B1, e uma grande quantidade de fibra que ajuda a regular o nosso trânsito intestinal. Também é importante pelo seu conteúdo em vitamina E, um antioxidante natural e, além disso, é rico em ácidos graxos saudáveis linoleico e oleico, ideais para cuidar de nossa saúde cardiovascular.

É um alimento rico em glúten, por isso não é recomendado para celíacos.

Cogumelos

destacam-se pelo seu alto conteúdo em água e em proteínas de alto valor biológico que nos dão todos os oligoelementos essenciais. São uma grande fonte de vitaminas, em especial B e C, e minerais como ferro, potássio e fósforo, que ajudam o nosso sistema imunológico, a fim de evitar a retenção de líquidos, o sistema nervoso, a regeneração dos tecidos e da saúde visual.

Pimentos

São um dos alimentos mais ricos em vitamina C, especialmente os vermelhos. Estes trazem 115 mg desta vitamina por cada 100 g, enquanto que a mesma quantidade de laranja contém 35 mg e de kiwi, 37 mg São cardioprotectores, e as variedades vermelhas, amarelas e alaranjadas são as mais ricas em carotenóides, pigmentos que diversos estudos relacionam com um menor risco de doenças crônicas, como a aterosclerose e outras doenças coronárias.

Para facilitar a sua digestão, o que evita consumir fritos, já que absorve muito óleo e tenha em conta que os picantes podem ser irritantes. Se você tem o estômago delicado, escolha variedades de doces como o morrón.

Cominho

Particularmente rico em óleos essenciais, desta especiaria tem propriedades digestivas, além de ser muito rica em ferro, o que ajuda a prevenir ou combater a anemia.

Complete o seu menu de hoje com…

  • Uma omelete de lascas de bacalhau, que equilibra este menu com um aporte extra de proteínas.
  • E de sobremesa, um pêssego.

Tags relacionadas

Deixe uma resposta