16 dicas para não engordar neste Natal

Atualizado el03 de janeiro de 2018, 10:05

Está provado que, se nos perguntam quantas calorias ter comido em uma celebração de natal, diremos um valor muito inferior ao real. Mesmo sabendo que temos comido muito mais (e mais gorduroso) que em um dia normal, a nossa mente tenta se enganar para não se cair no fechamento da culpa. Assim o determinaram diferentes estudos que analisaram como nos comportamos em situações como esta.

neste natal, Aproveite e compensa

Nessas estamos nós também não queremos que você se sinta culpado (como se explicámos neste outro artigo). Porque isso significa aumentar a taxa de hormônios como o cortisol… e mais tendência a engordar.

  • Aproveite, pois, os pratos especiais destes dias, mas faça-o moderadamente e de forma lenta, pausada, recreándote os sabores.
  • O resto dos dias, os que não são feriados, compensa (mais abaixo iremos explicar como).

16 dicas para não engordar no Natal

Em Saber Viver te revelamos formas inteligentes de compensar:

1. Você sabe que quando você come…

Em louça “de festa” qualquer preparação nos parece mais rica? Nos alerta para isso, um estudo norte-americano, e vai bem saber porque isso também vai fazer você comer o dobro.

2. Olho com os de entrada que serve

Dos canapés à base de patês ou enchidos fornecem muitas calorias (e indigestão). É melhor elaborarlos com legumes ou patês vegetais.

3. Quando o principal é carne

Escolha peru, capão ou frango, filé ou lombo de porco e de vaca antes de cordeiro ou de pato.

4. Peixes que triunfam por saudáveis

Se você acompanhá-lo de uma guarnição colorida mas leve (frutas frescas ou secas, germinados, vegetais de cores fortes, como a couve lombarda, etc.), está ofertando um prato ideal.

5. Antes de comer

Beber uma infusão de genciana, dente-de-leão, selo dourado ou absinto antes de sentar-se à mesa. É “mão-de-santo”.

São plantas amargas, mas não convém endulzarlas muito para não travar as suas propriedades “tônicas” sobre o estômago.

6. Depois de comer

Uma tisana de erva-doce. É muito digestiva e carminativa, o que irá ajudá-lo a melhorar a digestão e evitar os gases.

7. Truques se você vai como convidada

Antes de sair, toma um iogurte, duas nozes ou uma peça de fruta e comerás com menos ansiedade. Não por querer louvar a anfitriã vírgulas o dobro.

8. O álcool enfraquece a sua vontade

Por isso, se beber acabou comendo ou picando mais do que previsto inicialmente. Para evitar isso, bebe também devagar.

9. E se de todas as formas, bebe álcool?

Toma um pouco de água com gás entre a copa e a copa. Traz alguns minerais e dá sensação de saciedade sem adicionar calorias.

10. Apenas uma colher de sopa de molho

É o furtivo perfeito: se você adicionar mais de que essa sopa tenha certeza de que você estará carregando de calorias qualquer preparação.

11. E sempre… em sua versão leve

Você pode substituir a manteiga ou creme de leite dessas molhos por leite desnatado ou evaporada, por iogurte ou caldo.

12. Depois de comer, um passeio

Proponlo aos seus convidados e a maioria aceita o prazer (não será a única que você precise baixar o comido).

Se você decidir andar sozinho: Começa andando devagar e, quando se notes menos pesada, aperta um pouco o ritmo. É a forma mais barata e simples de que “nada se embora”.

13. Compensa o mesmo dia do excesso

No almoço ou no jantar. Assim, nem o seu peso e sua saúde se resentirán.

14. Os dias não feriados, rebate calorias

  • Dá um toque picante aos seus pratos: pimenta e gengibre, por exemplo.
  • Usa técnicas culinárias simples.
  • Evita tomar sobremesas calóricas. Opte por frutas frescas.

15. Bebe salvia

  • Ajuda a reduzir o inchaço abdominal e ganhar bem-estar gástrico (age como estimulante digestivo).
  • Também reduz a acumulação de gases e acalma as cólicas. Não deve ser tomado durante a gravidez.

16. Encha a sua geladeira…

Esses alimentos mencionados abaixo; no seu interior têm a chave (ácido lipoico) para se livrar mais facilmente de possíveis quilos acumulados em festas.

  • Tomate. Conforme já se viu, ajuda a converter a glicose em energia, graças ao seu ácido lipóico (as couves de Bruxelas são outra boa opção).
  • Espinafre. Também este alimento contém, como o fígado (que não recomendamos, pois contém muito colesterol e pode acumular tóxicos).
  • Peixe azul. Se junto com os alimentos ricos em ácido lipóico, aumente agora o consumo de ômega 3, gorduras em menor quantidade.

No final das celebrações

Quanto antes você começar a equilibrar seus menus, muito melhor. E você tem grandíssimos aliados.

Você já ouviu alguma vez a frase “Se você fez o estômago grande”? Reflete, de uma forma muito visual, o que acontece quando você come muito mais do que você precisa… e foi assim durante vários dias seguidos.

Um estudo recente nos adverte que aqueles que comem muito… ai acabam sentindo mais fome! É Por isso que, nos dias após as festas são tão importantes.

Veja o que nos diz um estudo do Centro de Pesquisa em Nutrição da Univ. de Navarra: os alimentos ricos em ácido lipóico melhoram a inflamação associada à obesidade e promovem a perda de peso.

  • Os tomates, espinafre ou as colesdeBruselas são alguns dos que contêm maior quantidade.

Toma o caldo depurativo mais eficaz

  • Elabóralo com aipo, alho-poró e a cebola. E é preferível que não adicionar sal (sim ervas culinárias).
  • Tomar um ou dois copos entre horas (até mesmo antes do almoço e do jantar) com um pouco de limão.
  • Além de depurarte, é diurético e ajuda a que o seu organismo recupere seu equilíbrio.

As sobras, o pior inimigo

Com o nougat excesso pode fazer biscoitos, cupcakes (alimentos não perecíveis) ou até mesmo sorvete, que pode ser conservada durante meses no congelador.

Deste modo evitará a tentação de “acabar” o mais rápido possível com o que ficou na sua despensa após as festas…

E você terá caprichos doces em pequenas doses.

Biscoitos de nougat

Utiliza uma tablet de nougat de Jijona, 1 ovo, 250 g de farinha de trigo integral e uma pitada de manteiga.

Cupcakes

Para fazer suas necessita de 2 ovos, 300 g de nougat de Jijona, 150 ml de leite desnatado, 200 g de farinhaintegral, 60 ml de óleo e uma colher de chá de fermento em pó.

Deixe uma resposta